Categorias
Leia

Indústria 4.0 Vs Segurança

Mais de meio século se passou desde a união das palavras informação e automática, originou a palavra informática, que basicamente é tratamento da informação automaticamente. Muita coisa mudou de lá para cá, soluções e problemas que não existiam passaram a existir. 

Uma das soluções e ou evolução que surgir em meados de 2010, foi o novo conceito de indústria, a indústria 4.0, que nada mais do que uma indústria convencional só que agora parcialmente e ou totalmente informatizada, onde equipamentos (IOT) através de sensores e conexão sem fio, são aptos a tomar decisões de produção com base em um grande banco de dados (Big Data) já mitigado.  

Toda esta evolução da indústria se baseada na evolução que as redes sem fio trouxeram para a implementação cada vez mais maciça do chamado Internet das Coisas (IOT), onde “qualquer” equipamento pode conectar-se a uma rede e trocar informações.

O conceito de indústria 4.0 pode trazer um grande crescimento da receita, visto que é possível aumentar consideravelmente a produtividade através dos equipamentos automatizados, o qual melhora as condições do trabalho, todos estes benefícios podem facilmente compensar os gastos com o investimento.

Mas, eis que em todo paraíso existe uma serpente, toda rede de dados está sujeita a invasão, e com o cenário em expansão, a indústria 4.0 veio para desafiar a segurança de dados, visto que antes os dados ficavam apenas local e nos dispositivos e agora ficam em nuvens e trafegam pela rede e muitas vezes na fábrica, trafegam por redes sem fio. Todo este panorama possibilita ataques como por exemplo “Man in the middle” na rede sem fio da fábrica e a negação de serviço no servidor na Nuvens.   

Um quadro desafiador surgiu junto com a internet das coisas e a própria indústria 4.0, onde não havia preocupação com segurança dos dados agora é preciso ter, as falhas de segurança e o crescimento da conectividade caminham lado a lado, isto torna custoso a garantia de segurança mediante de recursos comuns.

Enquanto profissionais de suporte tendem a ser um cargo cada vez mais escasso em fábricas e indústrias, devido a migração de sistemas para infraestrutura em nuvem, o profissional de tecnologia voltado a segurança é um cargo que não muito distante, será necessário e ou imprescindível em plantas de fábricas e indústrias.