Categorias
Destaque

Estudos para Certificação Cisco Roteadores e Switchs – CCNA

Estudos sobre diversos assuntos sobre redes para Certificação Cisco

Sobre o começo da Internet/Redes – O ARPANET projeto iniciou o desenvolvimento de conexões inter-redes usando o TCP/IP que evoluiu na Internet hoje em dia – usado para trabalho, diversão, comunicação, educação.

Os roteadores e os switchs são dispositivos intermediários. Dispositivos finais : também conhecidos como hosts, são os computadores, os telefones, as impressoras de rede, ou qualquer dispositivos utilizados pelo usuário final. Meios de rede – caminho para comunicação – cabo, ondas, fibra.

Sobre as subdivisões das Redes – MAN consiste em vários tipos distintos de instalações que são conectadas na mesma área geográfica. LAN é uma rede localizada em uma área geográfica limitada no mesmo prédio. WLAN é uma rede LAN cujos dispositivos são conectados sem fio. WAN são duas LANs geograficamente separadas que estão conectadas à mesma empresa. O que é uma WAN – uma infraestrutura de rede que fornece acesso a outras redes em uma grande área geográfica

Sobre o que é uma INTRANET é uma conexão privada de LANs e WANs que pertence a uma organização e é projetada para estar acessível somente a membros e funcionários da organização, ou a outros com autorização. As Intranets conectam LANs e WANs que devem estar acessíveis somente a funcionários internos, enquanto uma extranet permite que as organizações façam negócios diretamente com outras organizações externas permitindo que elas acessem a parte da rede interna.

Sobre métodos de conexões de redes – DSL utiliza um modem de alta velocidade para dividir a linha telefônica atual em canais de sinal de upload, voz e download. SDSL é um formato de DSL que oferece serviço de classe comercial com as mesmas velocidades para upload e download. Cabo usa o mesmo cabo coaxial ou cabo de fibra óptica que transmite sinais de televisão para garantir acesso à Internet na residência. Satélite requer uma linha de visão clara e é prejudicado pela presença de árvores e outras obstruções. Acesso por celular à Internet é fornecido pela rede de telefonia celular. Celular oferece acesso em áreas que não têm outra forma de acesso. Metro Ethernet é uma classe de serviço comercial dedicado que conecta organizações à Internet por meio de cabo de cobre ou de fibra em velocidades de até 10 Gb/s.

O que é VPN – Redes privadas virtuais (VPN) são usadas para garantir acesso seguro a funcionários remotos.

Rede convergente unifica diferentes serviços de redes, tais como streaming de vídeo, voz e dados, em uma única plataforma e dentro de uma única infraestrutura. Uma única rede que disponibiliza voz, vídeo e dados em vários dispositivos. (Vivo – tv,fone e internet)

Rede confiável – tolerância a falha, escalabilidade, qualidade de serviço, segurança.

Sobre tolerância a falhas é um atributo de uma rede que permite que ela responda rapidamente a falhas dos dispositivos, meios físicos ou serviços de rede. Qualidade de serviço remete-se às medidas adotadas para garantir que o tráfego de rede que precisa de maior taxa de transferência receba os recursos de rede necessários. Escalabilidade seria a capacidade da rede de crescer para atender a novos requisitos. Segurança é proteger a rede e os dados de roubo, alteração ou destruição. Integridade refere-se à completude de algo, e em geral não é usada como uma característica das redes da mesma forma que os outros termos citados.

Redes escaláveis são redes que podem expandir sem necessidade da substituição custosa dos dispositivos de rede atuais. Uma maneira de tornar uma rede escalável é comprar dispositivos de rede modulares.

Um provedor de serviços de Internet, é uma empresa que fornece acesso à Internet para pessoas físicas e jurídica é conhecido com ISP

Os provedores de serviço de Internet sem fio (WISPs, Wireless Internet Service Providers) normalmente são encontrados em áreas rurais onde o DSL ou o acesso por cabo não estão disponíveis. Uma parabólica ou antena na propriedade do assinante se conecta sem fio a um transmissor WISP, eliminando a necessidade de cabeamento físico fora do edifício.

Ameaças internas à segurança comuns incluem vazamento ou exposição de senhas, dispositivos perdidos ou roubados e funcionários mal intencionados.

Spyware consiste em um programa automático de computador, que recolhe informações sobre o usuário, sobre os seus costumes na Internet e transmite essa informação a uma entidade externa na Internet, sem o conhecimento e consentimento do usuário.

Um ambiente BYOD requer que a organização aceite diversos tipos de dispositivos e métodos de acesso. Dispositivos pessoais, que não estão sob o controle da empresa, podem ser aceitos e, portanto, segurança é um fator essencial. Os custos de hardware no local serão reduzidos, permitindo que a empresa priorize a disponibilização de ferramentas de colaboração e outros softwares para usuários BYOD.